O sistema

O sistema de criação RAS IMTA incorpora duas técnicas que permitem o policultivo de peixes e crustáceos e o uso integral dos materiais diluidos na água de criação possibilitando:
– Uma renda extra com a produção secundária;
– Risco ZERO de contaminação cruzada entre a criação e o meio ambiente;
– Redução dos custos de manutenção
Dessa forma o material que normalmente seria perdido (ração diluida na água) e o material que seria decartado na natureza (dejetos dos peixes) passa a ser utilizado pelas demais criações como forma de alimentação e purificação da água sem a necessidade de construção de áreas exclusivas para o tratamento da água e sem o acréscimo de nenhum produto químico.

Espécies Produzidas

Devido à criação de um ambiente controlado e isento de poluentes praticamente todas espécies podem ser criadas seguindo adequações da infraestrutura necessária para cada espécie. As espécies mais comumente criadas são:

  • Tilápia

  • Robalo

  • Garopa

  • Cobia

  • Pirarucú

  • Esturjão

  • Linguado

  • Truta

  • Polvo

  • Ostra

  • Abalone

  • Coquiles

  • Lagosta

  • Carangueijo

  • Ourixo

  • Pepino do mar